Eu já comentei algumas vezes e volto a frisar. Todo site tem um objetivo. Se não tem, deveria. O CTA ou Call To Action é um dos dispositivos que vai ajudar você a converter mais.

Uma verdade a respeito de sites:

Eu já participei ativamente da criação de vários sites e tenho visto que na grande maioria das vezes quem me contrata não tem a mínima noção do motivo pelo qual precisa do site, ele só precisa. Tenho vários problemas com isso. Desde pessoas que querem o site do jeito que querem (independente se não vai converter) ou ainda, gente que quer o site deles atualizado com base no antigo site, no estilo, temo como fazer igual ao antigo só que, novo?

Pessoas que não estão abertas para as mudanças que acontecem o tempo tempo no design no geral são um problema para a criação de sites, e explicar e convencer que a mudança deve ser feita, faz parte do trabalho.

O Objetivo do site:

Dito isto, depois que o stakeholder entende que o site é um canal de conversão e não uma página na rede mundial de computadores para refletir seus gostos e preferências definimos um objetivo claro para o site. Pode ser converter mais visitantes em leads, para que os clientes entrem em contato mais vezes, para que façam mais compras ou assinem mais seus serviços. Só reforçando, um site tem um objetivo. Seja qual for.

CTA: Call to Action

Ok, então agora que já temos um objetivo claro (vamos dizer que seja conseguir mais leads na sua newsletter) então temos que usar gatilhos visuais para conseguir atingir esse objetivo. Geralmente estamos falando de botões com textos curtos e bem claros da ação que será tomada a seguir, veja exemplos:

TP Blog: Exemplo de CTA

Aqui podemos ver um exemplo de uma Landing Page que claramente te chama a atenção (CTA) para a ação, que neste caso é baixar o e-book.

Lembre-se sempre, o principal objetivo é conseguir uma ação do seu visitante, até por isso chamamos de Chamado para Ação (call to action), pois cada CTA deve ser claro na ação que será realizada ao ser acionado.

Algumas dicas:

  • Faça testes: Não existe uma forma mágica. Faça testes e acredite nos números, eles são a base que deve ser seguida. Os famosos testes A/B se aplicam bem aqui.
  • Seja objetivo: Você deve sempre ser objetivo no que vai acontecer quando o visitante acionar o CTA.
    Evite distrações: A ideia é a seguinte, converter. Sendo assim, use elementos visuais que levem a conversão, evite distrair o visitante com muitas imagens e botões.
  • Sem tantos detalhes: Se você precisa de uma ação do seu visitante é no mínimo interessante que ele seja estimulado á ter curiosidade e clicar em seu CTA. Sendo assim, evite muitos detalhes logo de cara, tente estimular a ação.
  • Alinhado com seu funil de vendas: O funil de vendas já é uma estratégia um pouco mais avançada, falarei a respeito no futuro. De toda forma, o CTA deve estar alinhado com o estágio atual do seu funil, caso ideia seja converter em cliente no futuro.

O CTA é especialmente utilizado em páginas do tipo Landing Pages (como no exemplo da imagem acima), espero inclusive abordar o assunto em outro momento. Mas também não descarto seu uso em páginas comuns. Se bem feitas, são tão eficazes quanto.

Recomendamos que você leia também:

Vale a pena?

Então para resumir, acredito que o CTA deve ser utilizado sempre, desde que você tenha um objetivo claro para ele, além disso, o layout do site tem que estar pronto para ele, lembre-se, o objetivo principal da página deve ser a ação.

Aqui resumimos bem sobre o assunto. É um overview bem superficial do assunto. Se você tem alguma dúvida, entre em contato. Também gostaria do seu feedback. Ele é importante para sabermos se você gostou do conteúdo e se ele deve melhorar e como.